Curiosidades sobre o partido Nazista


O Nazismo sempre foi sinônimo de descriminação cultural/racial para o publico geral, por toda a história as pessoas encaram o famoso simbolo suástico como algo extremamente repugnante e cruel, tanto quanto a figura histórica que foi Adolf Hitler.

Nesta matéria, conheça algumas curiosidades, mistérios e teorias envolvendo Führer o partido Nazi.

 Nazismo na Alemanha
Com o termino da primeira guerra mundial a jovem República Alemã foi imposta ao tratado de Versalhes, também conhecido como ditado de Versalhes pelos países que saíram prejudicados. Com isso a Alemanha perdeu 1/7 do seu território e 1/10 da sua população.

A população Alemã estava muito fragilizada com o final da guerra, a Alemanha estava sofrendo com a crise que se instaurou no país. Nesse cenário perfeito surgiram os partidos nacionalistas alemãs que eram completamente contrários ao socialismo. Um desses partidos era o Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores alemães (o Partido Nazista), liderado pelo ex-soldado e cabo do exército Adolf Hitler. Hitler concorreu ao posto de Presidente da Alemanha contra o herói de guerra alemão Hindenburg que contava com o apoio Norte-Americano (apoio financeiro)

Em 1923, aproveitando-se dos níveis altos de inflação, Hitler e seus companheiros de partido decidiram seguir o exemplo dos comunistas, organizando uma revolta armada. Mas a revolta foi fracassada e Hitler acabou preso. Na cadeia ele escreveu seu famoso livro “Mein Kampf” (minha luta), livro que falava dos princípios do nazismo.

Entre 1924 e 1929 as idéias de Hitler não acharam mais público para se propagarem pela Alemanha e isso se deve ao fato da Grande crise mundial que aconteceu nos Estados Unidos, principal investidor da Alemanha, causando na Alemanha uma grande massa de desempregados.

A miséria, a incerteza do futuro, os milhões de desempregados a vontade de dar a volta por cima com o nacionalismo e a vontade de se livrar do tão avassalador ditado de Versalhes criaram a atmosfera perfeita para a propagação da ideologia de Hitler. Os alemães encontraram nos discursos carismático de Adolf segurança e perspectiva de dias melhores para a Alemanha.

Em pouco tempo Hitler conquistou além das classes médias, camponeses e operariado as altas classes como a burguesia e a nobreza alemã, também chamados de arianos.
Os Princípios do nazismo eram: o racismo, anti-semitismo, espaço vital, militarismo e nacionalismo. Esses princípios ideológicos pregavam o preconceito racial contra negros e pardos, os rebaixando por conta da sua cor, e pregava a perseguição dos Judeus, pois a Alemanha só poderia ter uma única religião, e ela era a católica. Além disso, Hitler não gostava dos Judeus porque eles eram bem sucedidos nos negócios e dominavam o comércio.

Hitler aproveitando-se da crise que também se instaurara na França e na Grã Bretanha (Principais potencias que faziam com que a Alemanha seguisse o tratado de Versalhes) começou a política armamentista, restabelecendo o exército alemão, ignorando os termos do tratado de Versalhes.

Em pouco tempo Hitler iniciou a política expansionista, denominada no regime nazista de espaço vital. Essa política de espaço vital dizia que a Alemanha precisava de mais espaço para crescer e as medidas tomadas para isso inicialmente foi tomar países vizinhos cuja população fosse alemã de origem.

Essa Política expansionista alemã, pouco tempo mais tarde seria um dos precursores da Segunda Guerra mundial.

Em 1945, Hitler declarara que o Terceiro Reich duraria mil anos e governaria o mundo. Mas, em apenas dez anos, a barbárie e o nacionalismo fanático do regime nazista levaram a Alemanha à ruína.

Mistérios

• Ovni Nazista
Adolf Hitler, além de um genocida extremo, o qual matou milhares de pessoas através de seus atos insanos, também era aficionado pelo ocultismo e sobrenatural.

Sabe-se que devido à esta inclinação para o desconhecido, Hitler enviou cientistas e pesquisadores em diversas partes do mundo em busca de artefatos e manuscritos, os quais poderiam ter algum "poder oculto".

Adolf Hitler achava que, de posse algum desses artefatos místicos, poderia adquirir um poder extraordinário que o levasse a ganhar a guerra e consequentemente dominar o mundo, que era seu sonho.

Um dos capítulos mais misteriosos que ocorreram durante o comando de Hitler na Alemanha durante a 2ª Guerra Mundial, foi a suposta fabricação de naves voadoras, conhecidas como "Discos Voadores", semelhante aos OVNI's avistados nos céus de todo o mundo, e que viriam de algum local distante no espaço sideral.

Tudo teria começado quando, em 1937, um OVNI pousou em território alemão, conforme atestam os registros da época.

O quê se seguiu é um enorme mistério. Mas não é todavia muito difícil de se deduzir.

Na foto abaixo, mostra uma base militar secreta nazista durante o período da Segunda Guerra Mundial, na qual um enorme Disco Voador em formato de "Sino", fabricado por cientistas alemães, é observado e inspecionado pelos militares e cientistas envolvidos neste ultra-secreto projeto tecnológico.

E teria sido isso mera manobra de propaganda, ou eventualmente uma fraude? NUNCA! Primeiramente por que as forças aliadas somente tomaram conhecimento da incrível existência deles quando a guerra terminou.

E por parte da Alemanha jamais houve qualquer divulgação ou tentativa de intimidação mediante o uso dessa tecnologia.

 Curiosidades

1. Hitler era austríaco. Ele nasceu numa cidadezinha chamada Braunau am Inn localizada no norte da Áustria, que na época do nascimento de Hitler fazia parte do Império Áutro-Húngaro. Ele só se tornou cidadão alemão em 1932.

2. Hitler foi um sobrenome gerado pelo erro de um padre. O pai de Hitler era filho ilegítimo e, por isto, não tinha o sobrenome de seu pai. Depois que o avô de Hitler morreu, o pai dele conseguiu que um sacerdote lhe concedesse o reconhecimento da paternidade. Na hora de escrever o nome, trocou Hiedler por Hitler. Daí ficou assim mesmo.

3. Hitler reprovou um ano e deixou a escola aos 16. Seu pai queria que ele fosse um tipo de servidor público, Hitler queria ser… adivinha… pintor (não é de parede e sim de quadros). Depois que seu pai morreu, Hitler deixou a escola e foi se aventurar em Viena às custas da pensão que recebia por causa do pai. A Academia de Belas Artes de Viena rejeitou sua filiação duas vezes, argumentando que ele tinha mais talento para Arquitetura. Mas não é que Hitler conseguiu vender várias de suas pinturas!?

4. Hitler foi um soldado que combateu na Primeira Guerra. Em 1918, já no final da Guerra, Hitler chegou a um hospital de campanha vítima de um ataque com gás mostarda (Sabe quem produzia este gás para os alemães na II Guerra? A Bayer). Alguns psicólogos dizem que, embora o gás pudesse causar cegueira, Hitler ficou cego por três dias como resultado de uma conversão histérica. Traduzindo: era algo criado por sua mente.

5. Pode-se falar muitas coisas sobre os testes e práticas nazistas em questão de medicina, mas graças as suas atrocidades que a medicina conseguiu avançar rapidamente e desenvolver várias técnicas e conhecimentos utilizados até os dias de hoje.

6. No dia 20 de abril de 1945, enquanto o exército soviético ia entrando em Berlim, Hitler comemorava seu 56º aniversário no seu abrigo. Um de seus generais mandou distribuir chocolates às tropas em honra ao aniversário do Führer.
7. Para garantir que o cianureto que tomaria para se matar era eficiente, Hitler fez um teste em sua cachorra. Ela morreu, é claro.

8. Hitler renunciou sua cidadania austríaca em 1925 e ficou 7 anos sem pátria, só em 1932 ele conseguiu se tornar oficialmente um cidadão alemão em uma cidade chamada Brunswick.

9. Apesar de tudo, o Partido Nazista era extremamente preocupado com o bem estar do seu povo. Eles foram um dos primeiros a criar leis que incentivavam o fim do cigarro e proibição do fumo.

10. Uma das principais filosofias do Partido Nazista era que todo alemão deveria ter as mesmas oportunidades e ter as mesmas condições de vida de seus compatriotas. Por isso eles criaram diversos programas para ajudar os que tinham menos condições, distribuindo melhor a renda.

11. A suástica , ou cruz gamada, como também é conhecida, sempre foi unicamente associada ao Partido Nacional Socialista de Hitler, mas além de representar um símbolo do orgulho alemão, já teve os mais variados significados e pertenceu a várias outras culturas ao longo do tempo.

12. O filme "A Queda — As Últimas Horas de Hitler" (2005) causou polêmica ao deixar de lado a personalidade perversa do ditador e mostrar seu lado mais humano.

13. Hitler era canhoto, tinha fotofobia (sensibilidade ou aversão a qualquer tipo de luz), odiava cigarro, era abstêmio e dizia-se também que era vegetariano
__________________________________________________________________________

Caso queira saber mais sobre Hitler e o Partido Nazista, assista esse documentário.
________________________________________________________________________________________________________________________